Guerra entre facções deixa 52 mortos em Altamira-PA

193

Guerra entre facções deixa 52 mortos em Altamira-PA
Guerra entre facções deixa 52 mortos em Altamira-PA
Uma rebelião na manhã de hoje deixou 52 presos mortos, 16 deles decapitados, no Centro de Recuperação Regional de Altamira, no Pará, de acordo com informações da Susipe (Superintendência do Sistema Penitenciário do estado). Dois agentes prisionais chegaram a ser mantidos reféns, mas foram liberados no final da manhã, depois de negociação envolvendo policiais civis e miliares e promotores de Justiça.

Segundo a Susipe, a confusão começou por volta das 7h, durante a entrega do café da manhã. O órgão acredita que uma briga entre facções tenha sido a causa da rebelião, já que a Susipe não recebeu nos últimos dias nenhuma reivindicação dos presos por melhorias nas instalações.

Rebelião deixa 52 mortos em presídio de Altamira (PA), diz superintendência

No momento, os policiais fazem vistoria no presídio para revista e recontagem de presos e apreensão de objetos que podem ter servido como armas nas decapitações.

Os policiais também verificam os danos provocados no prédio e celas, já que os detentos, segundo a Susipe, teriam ateado fogo em objetos como colchões – a inalação de fumaça pode ter provocado a morte de parte dos detentos.

Vídeos divulgados por fontes policiais do UOL, e que teriam sido feito pelos detentos antes do fim da rebelião, mostram cabeças sendo jogadas no chão em uma das alas do presídio. Em um momento, um homem, aparentemente um dos presos, chuta uma cabeça como se fosse bola de futebol. Em outro vídeo, presos aparecem sobre um telhado, onde há corpos estirados e fumaça.